Bem Vindo

Somos missionários da Igreja Cristã de Nova Vida.
Todos os textos e materiais disponibilizados aqui são de livre reprodução sem prévio aviso desde que não usado de forma comercial.
Desejando entrar em contato use o email: natan.paraguai@gmail.com
Desejando colaborar utilize o Banco Bradesco - Conta 2264-0 Agência 0876-1 Favorecido: Natanael Dias

quinta-feira, 12 de maio de 2011

O Teatro de Bonecos na Igreja - IX

Tipos de Bonecos
Podemos classificar bonecos tanto pelo material do qual ele foi confeccionado, quanto pela manipulação. Assim, podemos ter bonecos de mão, ainda que provenientes do Origami, a arte japonesa da dobradura de papel; bonecos de vara, ainda que sejam de isopor. Por exemplo quanto a manipulação, podemos ter bonecos de luva, vara ou fio. Mas, a manipulação pode ser também a inglesa, chinesa, bunraku ou outra técnica. 

Quanto ao material podemos ter bonecos de espuma, pano, fibra de vidro, isopor, papelão, madeira, ou um misto destes materiais, formando tanto bonecos de luva, vara ou fio. 
Tão bom quanto conhecer cada tipo de boneco, é poder trata-lo com intimidade, e simplesmente chamá-lo boneco.
O palco do teatro de bonecos é a empanada. Em geral nas igrejas as pessoas costumam chamar a casinha do boneco. Existem diversos tipos e tamanhos de empanadas. Que variam obviamente do vulto do espetáculo e ambiente que será utilizado.
Fique claro que a melhor empanada, é aquela que temos em mão: um lençol estendido na sala, uma mesa virada, uma caixa de papelão com um pequeno corte para os bonecos, enfim, qualquer coisa que possa dar um pouco de proteção ao manipulador, manter a magia viva.
Até mesmo a ausência de empanada é uma ótima empanada, desde que os manipuladores não estejam trajados de uma forma a concorrer com o boneco, ou se os manipuladores estiverem trajados de uma forma a somar com o boneco, fazendo parte do contexto da história.
Nos livros de teatro de bonecos é fácil encontrar diversos tipos de empanadas. Na figura, apresento uma desmontável, feita de metalonita, proposta para espetáculos de rua e grandes espaços. visto que se pode montar o cenário em torno  dela e nela própria.
A concepção da empanada é do artista plástico e  fotográfo Rosalvo Wesley. (http://www.aboaimagem.com/).


Nenhum comentário:

Postar um comentário